Alexandre Suplicy

Nascido na cidade de São Paulo, Alexandre sempre teve um olhar diferente para cenas do cotidiano. As lentes da câmera foram a maneira encontrada para transformar sua visão em arte. O fotógrafo independente é apaixonado por animais, aventura, paisagens e histórias humanas. Alexandre Suplicy se formou em fotografia pela "Vega School of Johannesburg - South Africa" Passou dois anos na África, viajando para diversos países para captar suas belezas, povos e particularidades. Publicou o e-book “Jobless?”, no qual retrata a realidade dos desempregados da África do Sul. Entre os países visitados por ele para fotografar estão: África do Sul, Botswana, Lesotho, Tanzania, Zambia, Namíbia, Estados Unidos, França, Singapura, Finlândia, Alemanha e Suíça. Em 2014 venceu o "Travel Photography Awards", na categoria "Rookie Awards”. Importante prêmio de fotografias de viagem realizado na Nova Zelândia com o Albúm "Namíbia Única”. Também foi selecionado para a exposição “Street Photography” – Foto em Pauta no 4º Festival de Fotografia de Tiradentes. Em 2015 realizou uma exposição individual "Olhar Expresso" no Metrô da Sé e Metrô Vila Prudente com fotos de São Paulo. Ainda em 2015 abriu a rede de galerias Peach Photo Art com foco exclusivo na fotografia artística contemporânea, a Peach tem um objetivo ambicioso: Colocar a fotografia autoral ao alcance de todos, tornando-a mais acessível a colecionadores e a amantes da boa fotografia. Em 2016 foi palestrante no 2º Fórum Brasileiro de Negócios com Foto - Fotografar 2016 e fez uma viagem para retratar os novos métodos de ensino mundial passando por 7 países em 3 continentes. Atualmente desenvolve um projeto autoral sobre a adoção de cães no Brasil. Apaixonado por animais sabe captar momentos muito especiais com estes seres incríveis.

A Viagem

            Depois de tanta ansiedade acabamos viajando apenas no dia 27 de Janeiro. Levamos 13 volumes, foi uma loucura, ainda bem que o Constâncio, câmera da Record que será nosso companheiro nestes anos foi conosco e nos ajudou muito. A viagem foi tranquila, agora vou começar a contar as minhas […]

Avalie isto:

Mais